A música como refúgio e o silêncio como companheiro.

.

Alma insone



A minha alma insone
Consome ilusão e lembrança.
Sonho, devaneio, fantasia.
Uma dose ou mais.
Sorve, em silêncio,
Beijo inebriado, lampejo
Que não me deixa em paz.
A minha alma insone
Invade teu corpo despudorado,
Lança chama violenta,
Ignora a dor
Desfigura, desfaz.